Soda Cáustica

Gente,

Hoje quero falar da soda ou Hidróxido de sódio ou ainda NaOH.

Sim, da soda. Esse ingrediente INDISPENSÁVEL ao sabão.

NÃO, NÃO EXISTE SABÃO SEM SODA. Se existe, por favor me apresente porque não conheço e será uma novidade bem interessante para o meu blog.

 

A soda é um hidróxido cáustico usado na indústria, principalmente como base química, na fabricação de papel, tecidos, detergentes, sabões, sabonetes, alimentos e biodiesel. É tida como uma base forte.

Geralmente é usado para a desobstrução de encanamentos e sumidouros, visto que dissolve gorduras. É altamente corrosivo podendo causar queimaduras, cicatrizes e cegueira devido à sua elevada reatividade. Não é à toa que sempre que vamos manuseá-la, recomendamos o uso de óculos, máscara e luva.

No sabonete, devemos calcular corretamente a quantidade de soda para que tenhamos um produto confiável e seguro. Muitas pessoas têm receio de usá-la, mas tomando os cuidados necessários, não apresenta perigo.

Na antiguidade, os egípcios já usavam a soda cáustica para fabricar tipos primitivos de sabão. Ao longo dos séculos, o principal uso continua sendo este mesmo (saponificação de ácidos graxos, ou seja, aquilo que se faz ao adicionar soda cáustica na gordura para fazer sabão caseiro). Ela era produzida de modo caseiro através do Carbonato de Sódio. 

Com o passar do tempo o método se tornou inviável, devido à grande necessidade de soda cáustica, comercialmente e industrialmente e pesquisas permitiram que o homem começasse a produzir soda cáustica utilizando processos que se tornaram mais diferenciados e mais eficientes.

TIPOS DE SODA:

Os tipos mais comuns de soda são:

SODA LIQUIDA: É produzida por eletrólise de uma solução aquosa de cloreto de sódio. É um subproduto da soda em escamas e usada para a obtenção do cloro. Utiliza-se de uma porção de soda cáustica em escamas diluída em água e que fica com uma porcentagem de 50%.

SODA EM ESCAMASA soda cáustica em escamas é obtida a partir do processo de evaporação da soda cáustica líquida, da fusão do produto anidro e do processo de escamação. Este produto apresenta-se na forma de escamas brancas, e com concentração média de 98% de hidróxido de sódio.

 

Bom pessoal, por hoje é só, mas em breve falarei mais sobre esse produto e como usá-la na produção do sabão e/ou sabonete.

Muito obrigada pelas visualizações e meu agradecimento especial as pessoas que estão seguindo o meu blog.

 

AYA Saboaria

Monte sua saboaria artesanal e conquiste sua independencia financeira

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *